Futebol na Rede

  • G+
  • Facebook
  • Twitter
  • Feed

Bahia

- Da Assessoria do Bahia |

Brasileirão Série A | Bahia

Bahia ganha a 4ª em 5 com recorde de público na Fonte

Bahia ganha a 4ª em 5 com recorde de público na Fonte
Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia/Divulgação

Mais uma vez a torcida tricolor comemorou na Fonte Nova. Pela segunda partida consecutiva, o Bahia venceu jogando em Salvador e a Nação pôde fazer a festa. Mais de 36 mil pessoas encheram o estádio, no maior público do Esquadrão no ano. Foi também o quarto triunfo da equipe nas últimas cinco rodadas.
Após derrotar o Sport na noite de quarta-feira por 1 a 0,  o Esquadrão de Aço bateu o Flamengo por 2 a 1, neste domingo à tarde, com dois gols do meia argentino Emanuel Biancucchi.
Com o resultado, o Tricolor chegou aos 29 pontos no Campeonato Brasileiro e agora ocupa a 14ª posição.
O Bahia entrou a todo vapor, marcando a saída de bola do adversário. Com muita intensidade, não demorou muito para abrir o placar.
Aos 17, Railan realizou boa jogada pela direita e tocou para Diego Macedo, que serviu Henrique. O atacante fez o pivô e rolou para Emanuel mandar um toque sutil para as redes.
O argentino teve grande chance de ampliar aos 20, quando Henrique cruzou na área e ele cabeceou para gol, mas o goleiro adversário espalmou para escanteio.
Na segunda etapa, o time voltou com a mesma postura e, logo aos três minutos, conseguiu ampliar o marcador. Railan foi lançado na área e derrubado pelo defensor do Flamengo. O árbitro marcou o segundo pênalti do Tricolor no campeonato.
Emanuel bateu com perfeição, no ângulo de Paulo Victor, e fez a festa da Nação na Fonte.
O time carioca conseguiu diminuir aos 16, com Eduardo da Silva, de cabeça.
Porém, mesmo levando o tento, o Bahia não diminuiu o ritmo e continuou melhor na partida. Tanto que, aos 21, Maxi fez boa jogada pela esquerda e cruzou na área para Henrique finalizar e o goleiro adversário salvar em cima da linha.
Aos 25, o técnico Gilson Kleina fez a primeira alteração. Maxi saiu para a entrada de Wiliam Barbio.
Na primeira bola, o atacante foi lançado em velocidade por Emanuel, entrou na área, mas foi desarmado pela defesa adversária.
Na segunda substituição, Pará entrou na vaga de Diego Macedo, aos 30.
Aos 36, foi a vez de Emanuel sair ovacionado pela torcida e Fahel entrar em campo.
O Tricolor conseguiu administrar o resultado e sair da Fonte Nova vencedor.
A equipe formou com Marcelo Lomba, Railan, Lucas Fonseca, Demerson e Guilherme Santos; Uelliton, Rafael Miranda, Diego Macedo (Pará) e Emanuel Biancucchi (Fahel); Maxi (Wiliam Barbio) e Henrique.
O Bahia agora foca nas oitavas de final da Copa Sul-Americana, já que na quarta-feira encara o Universidad César Vallejo, do Peru, às 19h30, novamente no estádio da Fonte Nova.

MAIS NOTICIAS - BAHIA