Futebol na Rede

  • G+
  • Facebook
  • Twitter
  • Feed

Copa do Brasil

- Site oficial do São Paulo |

Copa do Brasil

Com 'hat-trick' de Cícero, São Paulo avança na Copa do Brasil

Meio-campista comandou a goleada sobre o PSTC-PR, em Londrina, pela segunda fase da competição

Com 'hat-trick' de Cícero, São Paulo avança na Copa do Brasil
Foto: Rubens Chiri/Site oficial do São Paulo

Pode levar a bola para casa, Cícero! Com atuação decisiva e goleadora do camisa 8, o Tricolor avançou para a terceira fase da Copa do Brasil de 2017. Na noite desta quarta-feira (1º de março), em Londrina, o meio-campista balançou as redes três vezes e comandou a goleada do São Paulo sobre o PSTC-PR por 4 a 2. O peruano Cueva, em cobrança de pênalti, anotou o outro gol do time são-paulino que segue firme na busca do inédito título.
Na próxima fase, os paulistas enfrentarão o ABC-RN, que eliminou o Grêmio Osasco Audax, em Natal, nas penalidades máximas (4 x 1) após empate por 1 a 1 no tempo normal. Os mandos de campo serão sorteados pela CBF nesta quinta-feira (2). Antes de retomar a disputa pelo troféu da competição nacional, o Tricolor mudará o foco para o Campeonato Paulista. No próximo final de semana, no Morumbi, o São Paulo receberá o Santos André pela sétima rodada.
Para encarar os paranaenses, o técnico Rogério Ceni escalou o time são-paulino com Sidão; Bruno, Maicon, Rodrigo Caio e Junior Tavares; João Schmidt, Thiago Mendes e Cícero; Cueva, Luiz Araújo e Lucas Pratto. Já o adversário começou a partida com Juninho; Paulinho, Lucas Trindade, Marcão e Guilherme; Santiago, Denilson, Erick e Pimba; Lucão e Carlos Henrique. Quando a bola rolou, o Tricolor tratou de marcar em cima com os três atacantes e pressionou os mandantes.
Porém, aos sete minutos, a equipe sofreu uma baixa: o zagueiro Maicon sofreu uma pancada no pé esquerdo e teve que ser substituído por Breno. O contratempo, no entanto, não diminuiu a intensidade dos paulistas, que pouco depois abriram o placar: aos 13, após cobrança de escanteio, Rodrigo Caio testou e o goleiro Juninho espalmou. No rebote, a bola sobrou para Cícero que cabeceou para o gol: 1 a 0.
Os são-paulinos ainda festejavam o tento do camisa 8 quando o PSTC-PR deixou tudo igual no minuto seguinte com Lucão. Sem acusar o golpe, o São Paulo retomou a postura ofensiva e criou boas oportunidades. Aos 22 minutos, Bruno lançou Cueva, que ajeitou no peito e bateu com categoria: a bola passou perto. Pouco depois, aos 26, Luiz Araújo arriscou da entrada da área após ajeitar a bola com categoria e exigiu grande defesa do arqueiro rival.
Superior, o Tricolor manteve a pressão e seguiu mais tempo no campo de ataque. Aos 30, novamente o peruano apareceu bem: chutou cruzado e carimbou o travessão. A blitz são-paulina, então, foi revertida em gols de novo aos 35 minutos: Cícero tabelou para Pratto, que fez belo pivô para o meio e só rolou para o camisa 8. O meio-campista saiu cara a cara com o goleiro e só teve o trabalho de deslocar o adversário para recolocar o São Paulo na frente: 2 a 1! Grande jogada do sistema ofensivo!
Ainda antes do intervalo, os comandados de Ceni ampliaram a vantagem em Londrina. Junior Taveres invadiu a área e foi derrubado: pênalti. Cueva, aos 42, cobrou no canto esquerdo do goleiro e anotou o terceiro gol dos visitantes no Estádio do Café: 3 a 1. Na comemoração, já no ritmo do povo brasileiro, o camisa 13 arriscou uma ‘sambadinha’ com os companheiros. E quando a primeira etapa parecia terminar com alguma tranquilidade no marcador para o Tricolor, os paranaenses marcaram o segundo tento com Carlos Henrique, aos 44: 3 a 2.
No segundo tempo o jogo seguiu aberto, mas tem tantas chances claras como nos 45 minutos iniciais. O treinador são-paulino, então, apostou na entrada de Wellington Nem – recuperado de lesão muscular – na vaga de Luiz Araújo. E se as redes pareciam não balançar novamente, Cícero apareceu de novo e tratou de arrancar mais um grito de gol dos tricolores aos 26: o meio-campista arriscou de entrada da área e mandou a bola no cantinho! 4 a 2 e festa do camisa 8, que celebrou o ‘hat-trick’ com Rogério.
Nos instantes finais, aproveitando os espaços do PSTC que tentava reagir e descontar, o Tricolor levou perigo mais algumas vezes e administrou o resultado para avançar na Copa do Brasil. Na próxima fase, os paulistas enfrentarão o ABC-RN, que eliminou o Grêmio Osasco Audax, em Natal, nas penalidades máximas (4 x 1) após empate por 1 a 1 no tempo normal. Os mandos de campo serão sorteados pela CBF nesta quinta-feira (2).

MAIS NOTICIAS - COPA DO BRASIL