Futebol na Rede

  • G+
  • Facebook
  • Twitter
  • Feed

Copa do Brasil

- Site oficial do Cruzeiro |

Copa do Brasil

Mano traça estratégias e garante o Cruzeiro forte para o primeiro jogo

Mano traça estratégias e garante o Cruzeiro forte para o primeiro jogo
Foto: Site oficial do Cruzeiro

Às vésperas de mais um jogo decisivo, o técnico Mano Menezes falou com os jornalistas na tarde desta terça-feira, na sala de imprensa do estádio Beira-Rio, local do último treino de sua equipe.  O Cruzeiro enfrentará o Grêmio nesta quarta-feira, pela semifinal da Copa do Brasil.
O treinador celeste falou da grandeza da semifinal, com os maiores campeões da competição envolvidos mais uma vez, sobre os jogadores poupados na última partida e também das estratégias para buscar um bom resultado em Porto Alegre.  
“Todo mundo poupou, poupou no sentido de tirar os jogadores mais desgastados, e aproveitou os jogadores que estavam melhores fisicamente para domingo e tê-los preparados para o primeiro jogo da semifinal. Isso vale para nós e para o Grêmio. Penso também que todos tem o mesmo objetivo que é de vencer. Não se entra em um jogo como esse, dirigindo um clube grande, com outro pensamento que não seja vencer. Mas as estratégias que podem nos levar às vitórias podem ser diferentes para um e para outro”, disse o treinador.
“Cada um entende a maneira correta que deve buscar a vitória. Vamos fazer a nossa sabendo que vamos enfrentar uma grande equipe, uma das duas que esta jogando o melhor futebol. Nós só temos dois caminhos nessa hora, ou você senta e chora ou enfrenta o adversário que tem pela frente e o Cruzeiro tem time para enfrentar o grande adversário que tem pela frente e é isso que nós acreditamos e isso que vamos buscar fazer”, completou.
Questionado sobre a vantagem de se decidir a classificação em Belo Horizonte na próxima semana, Mano Menezes logo relacionou que o Clube terá esse benefício desde que faça uma ótima partida em Porto Alegre. Para Mano Menezes, a classificação para uma final é disputada em 180 minutos e não adianta somente uma equipe jogar a metade da disputa, ou apenas um jogo.
“Podemos construir uma boa vantagem em função do primeiro jogo e o que faremos nos primeiros 90 minutos. Para isso, temos todos os maiores exemplos. Se o Cruzeiro fizer o que fez o Atlético-PR aqui não tem vantagem nenhuma em decidir o segundo jogo em casa. Se o Cruzeiro fizer o que fez em São Paulo, diante do São Paulo, terá uma vantagem boa para decidir o segundo jogo em casa. Isso é tudo muito teórico, depende muito o que faremos na prática, ai sim pode transformar o segundo jogo em algo vantajoso. Quem quer passar não pode jogar só 90 minutos”, concluiu o treinador.

MAIS NOTICIAS - COPA DO BRASIL