Futebol na Rede

  • G+
  • Facebook
  • Twitter
  • Feed

São Paulo

- Site oficial do São Paulo |

Brasileirão Série A | São Paulo

São Paulo: Nova meta embala a equipe nesta reta final

Em busca de uma vaga em competições sul-americanas em 2018, Tricolor mira os seis pontos nas duas últimas rodadas

São Paulo: Nova meta embala a equipe nesta reta final
Foto: Rubens Chiri/Site oficial do São Paulo

Após garantir a permanência na Série A do Campeonato Brasileiro, o Tricolor tem uma nova meta nesta reta final de temporada: pontuar nas últimas duas rodadas em busca de uma vaga em competições sul-americanas em 2018. Este é o objetivo da equipe, que se prepara para encarar Coritiba e Bahia no encerramento do torneio nacional.
“Temos um novo objetivo no campeonato, e não podemos esmorecer. Por isso, temos trabalhado esta semana com treinamentos sérios e fortes. Vamos para Curitiba em busca de um grande resultado. Naturalmente, estamos um pouco mais aliviados após superar um momento difícil, mas isso é muito pouco para o São Paulo. Queremos coisas maiores”, avaliou o técnico Dorival Júnior, que completou.
“Que a gente tenha uma ambição comedida de buscar uma melhor colocação no Brasileiro, e é isso que queremos”, acrescentou o comandante. Com 46 pontos em 36 rodadas, o São Paulo ocupa o 13º lugar. Pela frente, o time são-paulino terá um adversário que está na 15ª colocação, com 43 pontos.
Assim como o treinador, o goleiro Sidão também projetou esta reta final de competição de olho na próxima temporada. “Estamos procurando fazer o maior número de pontos, porque queremos os seis pontos para ficar em um lugar na tabela que proporcione disputar outra competição em 2018. Queríamos ter nos livrado do rebaixamento antes para poder estar mais acima, mas são os seis pontos que vamos buscar”, disse o camisa 12, que acrescentou.
“Foi uma pressão absurda lutar contra a zona do rebaixamento. Houve um tempo que a gente olhava e falava que a coisa estava feia. Não tinha muita esperança de algo bom, porque jogávamos bem e não ganhávamos. Quando vencíamos a primeira, não conseguíamos embalar. O desgaste psicológico foi muito grande. Mas, agora, temos esta tranquilidade para buscar algo maior”, finalizou.

MAIS NOTICIAS - SÃO PAULO