Futebol na Rede

  • G+
  • Facebook
  • Twitter
  • Feed

Libertadores

- Site oficial do Grêmio |

Libertadores

Em jogo difiícil, Grêmio não supera o Rosario Central

Tricolor não conseguiu fazer uma boa partida e acabou sendo derrotado por 1 a 0

Em jogo difiícil, Grêmio não supera o Rosario Central
Foto: Lucas Uebel/Site oficial do Grêmio

Na noite desta quarta-feira, 27, o Grêmio enfrentou o Rosario Central, na Arena, em partida válida pelo primeiro jogo das oitavas de final da Copa Bridgestone Libertadores. Não conseguiu bater os argentinos, perdendo por 1 a 0.
Muito bem marcado e com bastante dificuldades de chegar ao ataque, o Grêmio não conseguiu o bom desempenho que teve nas suas últimas partidas. A troca de passes não funcionou, pois a equipe do Rosario jogou com a marcação muito adiantada, impedindo qualquer saída de ataque do Tricolor. O Grêmio acabou sofrendo um gol logo no início da partida, aos 13 minutos, quando Rubén marcou para a equipe argentina.
Como no início do jogo, no segundo tempo a superioridade foi do adversário, que tiveram maior posse de bola durante todo o jogo. A partida teve muitas faltas e cartões amarelos, tanto que o Tricolor encerrou com cinco jogadores amarelados.
Escalação: Marcelo Grohe, Ramiro, Bressan, Fred, Marcelo Oliveira, Walace, Maicon, Giuliano, Douglas, Luan e Miller Bolaños.
Banco: Douglas Friedrich, Marcelo Hermes, Edinho, Lincoln, Bobô, Everton e Henrique Almeida.
A arbitragem do jogo foi comandada por Victor Carrillo, auxiliado por Jonny Bossio e Braulio Cornejo, todos do Peru.
Primeiro Tempo
A primeira etapa iniciou com a equipe gremista, que teve sua primeira oportunidade de ataque com Luan, que partiu em velocidade do campo de defesa, passando por dois marcadores e acionando Miller Bolaños na direita. O equatoriano saiu em disparada, mas o passe do camisa 7 saiu um forte demais.
Já o Rosario Central também ofereceu perigo logo no início da partida, quando Ruben recebeu na entrada da grande área e chutou à gol, pegando mal na bola e mandando por sobre o gol de Marcelo Grohe. Na sequência, Maicon acabou cometendo falta sobre os argentinos na intermediária. A bola foi alçada na área gremista, a zaga afastou, o Rosario conseguiu o novo domínio, mas Grohe acabou sofrendo falta.
O Grêmio esteve muito bem marcado nestes primeiros minutos, dificultando a chegada ao ataque. O Rosario “agrediu” muito a equipe, pressionando e criando jogadas na área gremista.
Aos 11 minutos de jogo, Douglas recebeu no meio e saiu em velocidade até acionar Bolaños, entrando na linha de defesa. O equatoriano passou por Sosa, a bola correu demais e saiu pela linha de fundo, quando Bolaños já estava bem marcado pelo adversário.
Walace dividiu com jogador argentino na lateral direita e acabou levando o primeiro cartão amarelo da partida.
Aos 13 minutos de bola rolando, a oportunidade do Rosario. Depois de Salazar chutar para o ataque, Bressan subiu de cabeça, mas mandou para trás. Herrera pegou a sobra, fez a parede e Marco Ruben mandou para o fundo do gol, abrindo o placar na Arena.
O Grêmio tentou responder com Luan, que recebeu passe de Walace na entrada da área. O camisa 7 deu passe para Giuliano, que ficou de cara com Sosa, mas o goleiro argentino saiu com os pés e fez a defesa. No lance seguinte, Bolaños dominou na direita, próximo à grande área, mas foi derrubado com falta. Douglas lançou na área, Bressan fez o domínio, mas a zaga argentina afastou.
A nova chance surgiu com Giuliano, pela esquerda, que tentou esticada de bola para Bolaños, mas saiu muito forte, facilitando a defesa de Sosa.
Quando o Grêmio chegava na intermediária ofensiva, Walace iniciou tabela com Maicon, mas acabou parado com falta. Fred cobrou de perna direita, pegou muito embaixo a bola, que passou por sobre a meta de Sosa.
Bressan acabou levando cartão amarelo por falta no lance anterior.
Aos 33 minutos, Luan recebia na direita, próximo ao círculo central, mas foi derrubado com falta forte. No lance seguinte, Maicon divide com adversário, comete falta, leva amarelo e mesmo assim fica na pior, sentindo dores no ombro esquerdo.
O Grêmio chegou com Luan, que recebeu passe de Giuliano na extrema esquerda, próximo à linha de fundo. O camisa 7 se livrou de três marcadores e conseguiu escanteio. Douglas cobrou e alçou na área. A bola tocou em Fred e sobrou para Miller Bolaños, que de dentro da pequena área, tocou por sobre a meta de Sosa. Quase que o Tricolor empatou aos 41 minutos.
Na sequência, com muita qualidade, Marco Ruben pegou a bola lançada por Donatti, viu Marcelo Grohe adiantado e chutou por cobertura. O goleiro gremista se esticou, a bola passou por ele e respingou na trave superior. Bressan pegou a sobra e afastou o perigo. Outro lance do Rosario Central que assustou os gremistas foi o cruzamento de Pinola para Rubén, que se antecipou e chutou forte, por sorte, para fora!
O último lance destes primeiros 45 minutos foi do Grêmio. Douglas cobrou falta da esquerda, levantou na área, mas a bola foi afastada pela zaga argentina.

Segundo Tempo
O Grêmio voltou a campo com a mesma formação.
A primeira oportunidade nesta etapa foi do Rosario, que sofreu uma falta na esquerda. Cervi cobrou, batendo direto para a meta de Grohe, mas por sorte bola foi para fora.
Marcelo Oliveira acionou Douglas na esquerda da intermediária de ataque, mas quando o camisa 10 ia dominando, foi derrubado com falta.
O Grêmio chegou ao ataque pela primeira vez aos 5 minutos. Desta vez, Bolaños tentou jogada individual na entrada da área, mas a bola acabou sobrando para Douglas. O camisa 10 bateu de primeira, mas chutou fraco, facilitando a defesa de Sosa.
O Rosario Central teve chance com uma cobrança de escanteio, com Montoya, que fez jogada ensaiada para trás. Herrera estava adiantado, recebeu a bola, girou e mandou por sobre a meta de Grohe, mas já estava impedido.
Aos 11 minutos, Luan acionou Ramiro pela direita. O lateral tentou o cruzamento, mas a marcação cortou. Em seguida, Lo Celso recebeu na entrada da área e tentou o chute, sendo bloqueado. Insistindo, o Rosario chegou com Salazar, que cruzou da direita, mas a bola passou a por todo mundo e sobrou para Fernández. Da esquerda, ele cruzou e Fred afastou como conseguiu.
Miller Bolaños acabou com cartão amarelo por reclamação sobre lance.
Substituição no Tricolor: Saiu Maicon, entrou Everton, aos 15 minutos.
Com 18’, Luan dividiu uma bola com Musto e acabou sofrendo uma falta forte. Jogador argentino foi punido com cartão amarelo. No lance seguinte, Bolaños recebeu uma bola de Marcelo Oliveira na entrada da área e tentou acionar Giuliano, mas Salazar se antecipou e afastou para o Rosario.
Substituição no Tricolor: Saiu Miller Bolaños, entrou Bobô, aos 20 minutos.
Após conseguir o escanteio com Ramiro, Douglas cobrou aberto e com força - a bola passou por todo mundo e saiu pela linha lateral.
Última substituição do Tricolor: Saiu Douglas, entrou Lincoln, aos 26 minutos.
Fred também foi amarelado após falta e por sequência de infrações na partida.
Em cobrança de falta, Lincoln alçou na área e a bola veio com perigo no ataque argentino, mas Donatti cortou de cabeça mandando para escanteio.
A chance do Grêmio surgiu aos 34 minutos, com um cruzamento de Lincoln na área. Bobô subiu de cabeça, mas mandou muito fraco, facilitando a defesa de Sosa. Outra oportunidade foi com Ramiro, pela direita, que chutou para a área, mas o goleiro argentino subiu e se chocou com seu próprio companheiro.
O Tricolor ainda teve uma boa falta na esquerda. Lincoln alçou na área, zaga afastou, árbitro ainda atrapalhou a jogada mas a bola sobrou pra Giuliano, que passou pela marcação, mas a bola correu muito e saiu pela linha de fundo.
Mais uma falta! Aos 46’, Lincoln levantou na área, mas o jogo foi paralisado com falta do ataque gremista.
Jogo finalizou aos 50 minutos.
Público:
Pagantes: 31.762
Total: 34.621
Renda: R$ 1.1271.921,00

MAIS NOTICIAS - LIBERTADORES

A cartilha do rebaixamento